Cookies são pequenos ficheiros de texto transferidos para o seu computador cada vez que visita um sítio.

AVISO GERAL - NOVA PÁGINA WWW.AESAS.PT

AVISA-SE TODA COMUNIDADE QUE IREMOS PROCEDER À RENOVAÇÃO DOS NOSSOS CANAIS DE COMUNICAÇÃO

Assim nesta página deixaremos de publicar noticias, passando apenas a publicar em WWW.AESAS.PT

A nossa página do FACEBOOK será também em BREVE renovada!

Bom ano letivo para todos !!!

Moção - Assembleia Geral de Pais e Encarregados de Educação da ESAS

 

Assembleia Geral de Pais e Encarregados de Educação da ESAS

 

30/01/2013

 

MOÇÃO

 

 

Os Encarregados de Educação da ESAS repudiam de forma veemente a forma “musculada”, imprópria e vergonhosa como os seus filhos, que se manifestavam no dia 18 de janeiro em frente à entrada da escola, foram tratados pelas forças policiais, bem como o facto de as mesmas não terem aguardado pela chegada da diretora da escola para, de forma pacífica, resolver a situação. Solicitam ainda às autoridades competentes o total apuramento dos factos acontecidos e que sejam retiradas consequências dos mesmos.

 

Sobre a eventual agregação de escolas, que motivou o incidente em causa, manifestamos a nossa profunda apreensão pela instabilidade que este processo de mudança está a provocar. Assim, entendemos ser pertinente afirmar a nossa posição relativamente aos seguintes pontos:

- falta de oportunidade da proposta a meio de um ano letivo (contra o espírito da própria legislação) e que desnecessariamente vem causar instabilidade prejudicial para todos (profissionais, alunos, pais e encarregados de educação);

- falta de informação objetiva quanto à pertinência/justificação da proposta, que claramente faz suscitar muitas dúvidas; e

- a nossa confiança na ESAS, suportada pelos resultados já demonstrados, o que nos leva a apoiar a legítima aspiração na obtenção do contrato de autonomia e a questionar seriamente a pertinência de qualquer alteração organizacional.

 

Os pais e encarregados de educação da ESAS tudo irão fazer para garantir aos seus filhos o direito a um ensino de qualidade e tudo farão para defenderem o direito a serem ouvidos pelos diversos responsáveis pela administração, de forma a zelar pelo respeito pelo Projeto Educativo que escolhemos de forma livre, deliberada e consciente para os nossos filhos.

 

Braga, 30 de Janeiro de 2013

 

Documento em PDF