ESCOLA SECUND�RIA DE ALBERTO SAMPAIO

Notas de Apoio � Disciplina de Sociologia

 

2.4. O objectivo da Sociologia

"Compreensão de situações sociais

A Sociologia tem muitas implicações práticas nas nossas vidas. O pensamento e pesquisa sociológicos contribuem, de várias e óbvias maneiras, para a acção política concreta e para a reforma social. A mais directa é a que fornece simplesmente uma compreensão mais clara e adequada da situação social do que a anteriormente existente. Isto pode suceder tanto a nível do conhecimento de facto, como através da aquisição de um maior conhecimento das razões de alguma ocorrência (por outras palavras, através do entendimento teórico). A pesquisa pode, por exemplo, demonstrar que, ao contrário do que se pensava, uma proporção maior da população vive na pobreza. Qualquer tentativa de fomentar uma melhoria do nível de vida teria obviamente melhores hipóteses de sucesso se fosse baseada em informação precisa, em vez de dados errados. Quanto melhor percebermos por que persiste amplamente a pobreza, mais verosimilmente poderão ser implementadas políticas para a combater.

Consciência das diferenças culturais

Um outro meio pelo qual a Sociologia auxilia a acção política concreta é ajudando a promover um maior conhecimento cultural por parte dos diferentes grupos sociais. A pesquisa sociológica proporciona um meio de observar o mundo social a partir de uma ampla diversidade de perspectivas culturais, ajudando, por conseguinte, a dissipar os preconceitos criados por uns grupos relativamente aos outros. Ninguém pode ser um político instruído, sem um conhecimento informado do carácter variável dos valores culturais. As políticas concretas que não assentarem no conhecimento dos modos de vida daqueles a quem vão afectar poucas hipóteses têm de êxito. Assim, um assistente social branco, que trabalhe numa comunidade de pessoas oriundas das índias Ocidentais, numa cidade britânica, não poderá conquistar a confiança dos seus membros sem desenvolver uma sensibilidade face às diferenças culturais que frequentemente separam os brancos dos negros na Grã-Bretanha.

Avaliação dos efeitos das políticas

Em terceiro lugar, a investigação tem implicações práticas sobre a avaliação dos resultados das iniciativas políticas. Um programa de reformas pode simplesmente falhar o objectivo proposto pelos seus autores ou arrastar uma série de consequências não intencionais, de cariz prejudicial. Um exemplo - nos anos que se seguiram à Segunda Guerra Mundial, foram construídos grandes blocos habitacionais no centro das cidades de muitos países. A intenção era providenciar um bom nível de habitação, com zonas comerciais e outros serviços públicos à mão, para os grupos dos bairros degradados e com baixos rendimentos. Contudo, a pesquisa mostrou que muitos dos que se mudaram para esses blocos habitacionais se sentiam isolados e infelizes. Grandes blocos habitacionais e áreas comerciais em muitos casos depressa se degradaram transformando-se em viveiros de marginais - dos ladrões aos criminosos mais violentos.

Em quarto lugar, e sob certos pontos de vista o mais importante, a Sociologia pode proporcionar auto-esclarecimento - um incremento do auto-conhecimento - aos grupos da sociedade. Quanto mais as pessoas sabem das condições das suas próprias acções e como funciona, no seu todo, a sociedade onde vivem, tanto mais poderão verosimilmente influenciar as circunstâncias das suas vidas. Não devemos entender que o aspecto prático da Sociologia se limita a ajudar os decisores políticos - o mesmo é dizer, grupos poderosos - a tomarem decisões consubstanciadas. Não se pode assumir que aqueles que estão no poder têm sempre em mente os interesses dos menos poderosos ou menos privilegiados, nas políticas que promovem. Os grupos auto-esclarecidos podem responder de forma efectiva às políticas seguidas pelos governantes ou outras autoridades, e até podem ter iniciativas próprias. Grupos de pessoas que se entreajudam (como os Alcoólicos Anónimos) e movimentos sociais (como os movimentos de mulheres) são exemplos de associações sociais que procuram, de uma forma directa, promover reformas concretas."

[Anthony GIDDENS - Sociologia, 2.ª ed., FCG, Lisboa, pp. 36-37]

 

Endere�o

Telefone

Fax

Correio Electr�nico

Rua �lvaro Carneiro
4710-216 BRAGA

+351 253 204 220

+351 253 204 224
+351 253 204 228

info@esec-alberto-sampaio.rcts.pt

(c) 2002 Ant�nio Padr�o

 

Anterior In�cio Seguinte